Páginas

quarta-feira, 25 de março de 2009

SOM NOSSO DE CADA DIA - - A Procura da Essência,released in 2004

(1975 - 1976) A Procura da Essência
Cuidado Com O Verdi

Studio Album, released in 2004

Track Listings:

CD 1 O Barulho Aterroriza 79:23
1. Sinal da Paranóia (10:50)
2. Fragmentações (12:04)
3. Neblina (15:14)
4. Tema da Batera (3:34)
5. Rara Confluência (11:09)
6. Bote Salva Vidas (13:22)
7. Tinta Preta Fosca (Bem no Fim) (8:09)
8. Blues da Gaita (3:11)
9. Improviso (1:38)

CD 2 Cuidado com o Verdi 79:39

1. Bote Salva Vidas (12:10)
2. Sonhas Paulinho (9:04)
3. Tinta Preta Fosca (Bem no Fim) (6:01) (
4. Água Limpa (7:34)
5. Fragmento Instrumental (2:15)
6. Tema da Batera (5:35)
7a. Blues do Verdi & b. Voando a 10.000 por Hora (17:20)
8. Rajada Runaway (10:50)
9. Sinal da Paranóia (8:45)

Total Time: 159:02
Line-up/Musicians
- Pedrão Baldanza / bass, vocals, Fender Jazz bass 64 -
Pedrinho Batera / drums, vocals, Ludwig drums, Moog drums -
Egidio Conde / guitar Gibson ES-335, Fender Stratocaster -
Dino Vicente / keyboards, Hammond Organ B3, ARP Odyssey, Moog 15, Fender Rhodes electric piano -
Tuca Camargo / keyboards, Fender Rhodes electric piano, Minimoog, clavinet -
Rangel / percussion

O Retorno em Grande Estilo Esta surpreendente e fantástica reunião se deu pelas seguintes razões: Por volta de 2004, surgiu no mercado fonográfico “alternativo”, um CD “Bootleg” contendo a gravação de um show realizado em setembro de 1976. O sucesso foi total, tanto entre os antigos fãs quanto entre os da nova geração, que se surpreenderam com a excepcional qualidade técnica que a banda mostrava ao vivo. Decide-se que é chegada a hora de editar um disco ao vivo oficial: o resultado é o fantástico “A Procura da Essência - (Ao Vivo 1975-1976)”, lançado pela gravadora carioca Editio Princeps (www.editioprinceps.com). Som Nosso de Cada Dia - A Procura da Essência Este CD duplo traz, pela primeira vez, gravações ao vivo do Som Nosso de Cada Dia em seu período mais progressivo, durante os anos 70, cuidadosamente selecionadas pelos próprios músicos dentre as fitas de melhor qualidade sonora remanescentes. Além de diversas improvisações e versões estendidas de antigos clássicos, estes registros incluem versões inéditas de faixas da lendária suíte “Amazônia”, gravada pela banda em 1975 e nunca lançada integralmente. Aproveitando as três décadas de lançamento do “Snegs” e o CD duplo ao vivo, Pedro Baldanza montou uma banda-tributo para gravar um CD chamado “O Som Nosso de Cada Dia a Dia”, mas, apesar de várias músicas terem sido gravadas, o projeto foi arquivado e não há previsão de seu lançamento. No entanto, o conjunto dos fatores acima proporcionou uma reaproximação com Manito e em 24/04/2008 aconteceu o que a muitos parecia que jamais ocorreria novamente…Dentro da extensa programação do extraordinário evento paulistano “Virada Cultural”, estava agendada a apresentação do SOM NOSSO DE CADA DIA para tocar o “Snegs” na íntegra!!

Som Nosso de Cada Dia no Show da Virada Cultural Dessa forma, mesmo estando programado para o lamentável horário das 3 da madrugada, da concorrência dos MUTANTES estarem se apresentando ao ar livre no mesmo horário e das pessoas terem de permanecer horas na fila (seria no Teatro Municipal, onde havia uma limitação de lugares em torno de 1.500 pessoas), a lotação foi TOTAL. A formação dos músicos incluiu Manito (teclados, sax, flauta) e Pedro Baldanza (baixo e vocais), brilhantemente auxiliados por Marcelo Schevano (guitarra e flauta), Edson Guilardi (o mesmo baterista que tocou com o Terreno Baldio) e Fernando Cardoso (atual tecladista do Violeta de Outono, toca também na bandas Homem com Asas e Compacta Triô). Complementaram a seleção, os excelentes vocalistas Thiago Furlan e Jorge Canti. Então, com todos os fatores acima e aliado ao fato de estar sendo no belíssimo espaço que é o Teatro Municipal, o show foi absolutamente emocionante e inesquecível. A emoção da platéia foi intensa e indescritível, com a realização de um “sonho impossível”, tanto por parte da “Velha Guarda” quanto dos inúmeros jovens e apaixonados fãs. Todas as músicas foram enormemente celebradas, mas preciosidades como “Sinal da Paranóia” e “Bicho do Mato”, criaram um longo e extraordinário uníssono.

Só clicar e fazer o download.
O Som Nosso de Cada Dia toca Snegs no Teatro Municipal às 3h do ...

O Som Nosso de Cada Dia toca Snegs no Teatro Municipal às 3h do dia 27. Total de fotos: 19. O Som Nosso de Cada Dia toca Snegs no Teatro Municipal às 3h do ... www.rollingstone.com.br/imagens/2808/em/noticias/2327/  - 19k
********************************************************************************

Um comentário:

  1. show do som nosso, eu fui um privilegiado por ter visto...

    ResponderExcluir